culpada, simplesmente, por dançar

A modelo iraniana Maedeh Hojabri, de 18 anos, foi presa por postar um vídeo dançando em seu perfil no Instagram. De acordo com o site Daily Mail, ela quebrou “regras morais” ao postar o vídeo. Maedeh foi liberada após pagar fiança. Na última semana, três pessoas, além da modelo, foram detidas pelo mesmo motivo.”

(fonte: virgula.com.br)

irã-modelo-presa-por-dançar

Este episódio virou notícia esta semana, e, me pergunto, por que? Se parece ser uma coisa tão normal e comum nos dias de hoje. Não no Irã, um país do Oriente Médio, com uma rica cultura milenar e onde as tradições falam mais alto. Existem muitas regras de convivência social que devem ser respeitadas por conta da religião islâmica (sem entrar em detalhes pela relevância que o assunto exige).

Mas, o fato desta jovem ter sido presa por tão pouco assusta quem não está acostumado à leis tão rígidas. Ecoa como algo bem distante da nossa realidade.

Se olharmos pelo viés do feminismo talvez seja mais fácil entender e perceber que no Ocidente também vivemos tempos um tanto quanto “confusos”. Tenho sido repetitiva quando digo que nossos dias tem sido difíceis, mas é a dura realidade! Parece que retrocedemos. Deve ser culpa do Saturno retrógrado!!!

Caretice?

Uma onda de conservadorismo vem invadindo com muita força nossas vidas cotidianas e nem percebemos.

Em um país, como o Brasil, onde uma em cada três mulheres já sofreram algum tipo de violência e 40% das mulheres acima de 16 anos já sofreram algum tipo de assédio, não podemos achar que “tá tudo certo”…

Não se trata apenas de uma questão cultural, e sim de uma percepção distorcida da realidade. 

Liberdade e respeito

Ainda existe uma batalha muito grande para incutir o respeito no nosso coletivo, principalmente, pelo ser humano. Quem quer ser livre e viver em uma sociedade com direitos iguais para todos os gêneros deve, no mínimo, saber respeitar as individualidades e as opiniões dos outros. Sem radicalismos, fanatismos ou ideologismos.

Respeito é o que está faltando pro mundo.

Bora fazer a nossa parte?

mulher-dançando (1)

OBS.: nas redes sociais os jovens do Irã estão protestando, e postando vídeos dançando com as hashtags #dancetofreedom e #dancing_isn’t_a_crime.

LKV

fotos:reprodução/Pixabay

4 comentários sobre “culpada, simplesmente, por dançar

  1. Realmente o mundo está de cabeça prá baixo. Uma pena, porque os valores morais vividos por nós e nossos avós foram sendo degradados ao longo do tempo e hoje vivemos uma realidade assustadora. Na minha opinião, tudo culpa da ganancia e da moral dos homens que permeia desde o século passado, principalmente, dos políticos e de um judiciário entregue a própria sorte. O que será da geração futura? Será que eles terão capacidade para reagir e transformar nosso país? ESSE BRASIL DO FUTURO, QUE CUSTA A CHEGAR.

    Curtido por 1 pessoa

what about?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s